Eu gostaria de poder agradecer por me mostrar o que eu não mereço. Agradecer por me ensinar tantas lições de desgosto. Agradecer por me machucar.

Mas isso seria mentira.

Eu não acho que tudo o que você me fez me transformou em uma pessoa melhor. Eu acho que isso me fez uma pessoa mais irritada, uma pessoa amarga, uma pessoa quebrada.

Você bagunçou minha cabeça. Você me ensinou a agir de forma mais egoísta porque a única pessoa que cuidará de mim será eu mesma. Você me ensinou a fugir antes de chegar muito perto de alguém, porque eventualmente, eles vão embora. Você me ensinou a duvidar de cada palavra que sai de cada boca porque as pessoas são mentirosas, elas dizem o que quer que as faça parecer melhor, o que quer que as ajude a fugir com mais.

Por sua causa, sou cética, sou paranoica, sou sem coração.

Eu não quero ser assim. Eu gostava de mim antes. Você me transformou em uma concha de uma pessoa só. Você me transformou em alguém mais como você.

Eu queria ser grata pelo que você me fez passar, mas eu te odeio pelo que você me fez passar. Eu te odeio pelas suas mentiras. Eu te odeio pela sua manipulação. Eu te odeio por agir como se você fosse mudar, aumentando minhas esperanças, e depois me desapontando mais uma vez.

Acima de tudo, eu odeio você por escolher a si mesmo sobre todos os outros, até mesmo aqueles que mais o amavam.

Mesmo se você me transformasse em alguém mais forte, alguém com uma espinha dorsal que leva menos merda, eu não iria agradecer por isso.

Eu não vou te agradecer por gritar no meio da noite. Não vou te agradecer por zombar de mim por causa de minhas inseguranças. Eu não vou te agradecer por trair. Eu não vou te agradecer por ser um ser humano horrível.

Você não merece parabéns. O que você fez não está certo e eu não estou saindo bem do nosso relacionamento. Eu estou um desastre.

Eu não sei como vou entrar em relacionamentos saudáveis ​​no futuro depois de lidar com você por tanto tempo. A bagagem que você me deu nunca vai desaparecer. Sua voz sempre estará no fundo da minha mente. Eu nunca vou confiar totalmente em alguém por sua causa. Eu nunca vou deixar meu coração explorar, por sua causa. Você estragou tudo e nem se sente culpado por isso.

Talvez eu esteja agindo infantil. Talvez eu precise crescer. Talvez eu seja muito imatura para ver o forro prateado, a beleza em minha própria dor. Mas eu não merecia passar por tudo o que você me forçou, então eu não vou te agradecer por arrancar meu coração do peito. Eu vou dizer “foda-se você” em vez disso.

Texto de Holly Riordan, via Thought Catalog, traduzido pela equipe Coração de Elástico

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS





Coração de Elástico
Coletânea de textos sobre sentimentos